Histórico

 

FOTO ARQUIVO NAT/BRASIL: José Lutzemberger da Agapan (C) e Magda Renner do NAT/Brasil (E dele) durante debate sobre Campanha das Diretas Já nos anos 80

Experiência há mais de 40 anos

 O Núcleo Amigos da Terra/Brasil é uma das entidades ambientalistas pioneiras no Rio Grande do Sul e no Brasil.

Em 1964, a chamada Ação Democrática Feminina Gaúcha, foi fundada como um grupo que objetivava promover a cidadania através da realização de projetos sociais e educativos voltados às mulheres.

Na década de 70, a entidade incluiu a questão ecológica de forma central nos seus trabalhos. Desde então, tem sido referência nos principais debates sobre o meio ambiente no Rio Grande do Sul, Brasil e internacionalmente.

Pelo reconhecimento do seu trabalho e das suas vitórias em prol do meio ambiente, a entidade foi convidada a integrar a maior federação mundial de entidades ambientalistas. Desde 1983, é o único membro brasileiro da Federação Internacional Friends of the Earth (www.foei.org), que hoje reúne grupos de ativistas em mais de 70 países.

Em 1998, a entidade, atualizando seus estatutos, adotou definitivamente o nome Núcleo Amigos da Terra (NAT)/Brasil.

FOTO ARQUIVO NAT/BRASIL: fundadoras da ADFG e hoje membros do Conselho Consultivo do NAT/Brasil durante realização da festa de aniversário da ONG e de início das obras da casaNAT em 29/03/2008. Participação da representante do Banco Real, Ana Lizete Farias.

O texto a seguir é fruto de um trabalho voluntário e apresenta uma pequena síntese de uma história dinâmica, recheada de uma multiplicidade significativa de ações, cuja efetiva recuperação demandaria longos esforços de pesquisa e análise. Buscou-se aqui resgatar parte desta trajetória, destacando acontecimentos significativos dentro de cada uma das quatro décadas de existência da ADFG/ NAT (de 1964 à 2004).

Além de uma biblioteca especializada, o NAT possui um rico arquivo histórico referente à sua atuação que, na realidade, se confunde com o arquivo do próprio Movimento Ambientalista Organizado. Dele tiramos apenas uma pequena contribuição, utilizando como fontes principais, recortes de jornais, fotografias, material impresso pela Entidade, incluindo os seus periódicos, além de depoimentos de algumas de suas fundadoras.

Sendo um trabalho feito prioritariamente com o objetivo de subsidiar a elaboração dos projetos da Entidade, bem como divulgar a sua atuação histórica, não tivemos a preocupação de seguir os cânones exigidos para um trabalho acadêmico.

O eixo central é a síntese histórica da ADFG/NAT, dando-se destaque às suas principais atividades, todas com capacidade de comprovação, através de documentos que compõem o nosso acervo. Visando limitar o espaço do texto, utilizamos siglas das instituições citadas, explicitadas no item “glossário”, posto no final do trabalho. Esperamos que essa síntese possa servir como mais uma contribuição à divulgação da história das lutas ecológicas no Rio Grande do Sul.

© 2022: Natureza Brasil | GREEN EYE Theme by: D5 Creation | Powered by: WordPress